“Laços”, Flávia Lacerda, 2008

O curta metragem “Laços” foi vencedor do concurso internacional “Project Direct” do Youtube, e como prêmio, a diretora ganhou US$ 5.000 e participou do Festival de Sundance em 2008, o principal festival de cinema independente nos Estados Unidos.

“Laços” surgiu do interesse dos amigos Clarice Falcão e Célio Porto no concurso. Clarice é  filha da roteirista Adriana e do dirfetor da TV Globo João Falcão.

Clarice pediu à mãe que escrevesse um roteiro e ela e Célio chamaram Flávia Lacerda, que já tinha sido assistente de direção de João Falcão, e Felipe Reinheimer fez a fotografia.

Participam como atores Clarice, Célio Porto e Jô Abdu. A música foi composta especialmente por Clarice, e o arranjo foi feito por Ricco Viana, que é responsável por toda a trilha.

Com duração de 6 minutos e 43 segundos, “Laços” conta a história do encontro entre uma garota cujo pai acabou de morrer e um garoto misterioso, na rua. Utilizando uma câmera AG-DVX100, as filmagens duraram um dia e foram realizadas no bairro do Jardim Botânico, zona sul do Rio de Janeiro. A produção custou R$ 1.500, gastos principalmente na parte de edição e alimentação da equipe.

Adriana Falcão ficou surpresa com a vitória. principalmente porque, entre os outros 19 finalistas (o curta venceu produções dos EUA, que ficaram com os segundo e terceiro lugares, Canadá, Espanha, Itália, França e Reino Unido), a maioria tinha uma qualidade técnica maior e foi filmada em película, em vez de em formato digital. “Quando vi os outros filmes, senti um profissionalismo muito maior”,  diz ela.

Filme: Laços
Direção: Flávia Lacerda
Roteiro: Adriana Falcão
Fotografia e Câmera: Felipe Reinheimer
Téc. de Som: Aloysio Compasso
Edição: Rodrigo Lima
Trilha Sonora: Ricco Viana
Música: “Australia”, composição e voz Clarice Falcão
Produtores: Adriana Falcão, Felipe Reinheimer, Clarice Falcão, Célio Porto e Jô Abdu
Elenco: Clarice Falcão, Célio Porto e Jô Abdu

Anúncios

“La Maison en Petits Cubes”, Kunio Katô, 2008

maisonenpetit1

Apesar do nome em francês, o curta de animação “La MAison em Petits Cubes” é um curta de produção japonesa. Filme de estreia do diretor Kunio Katô, que também fez o roteiro e a edição.

A música de Kenji Kondô é um show a parte. Totalmente bem casado com o filme, mas sua sensibilidade transcende o filme.

Em seu roteiro o personagem faz literalmente, uma visita no passado, relembrando alguns dos momentos mais importantes de sua vida. Esse resgate, sem o uso das palavras, é realizado de uma maneira poética e emocionante.

Escrito, dirigido, animado e editado por Kunio Katô
Produzido por Masanori Kusakabe e Yuko Shin
Música original de Kenji Kondô
Narrado por Masami Nagasawa

Assista o filme aqui:

“Ilha das Flores”, Jorge Furtado, 1989

ilha_das_flores_01-2

Sinopse
Um ácido e divertido retrato da mecânica da sociedade de consumo. Acompanhando a trajetória de um simples tomate, desde a plantação até ser jogado fora, o curta escancara o processo de geração de riqueza e as desigualdades que surgem no meio do caminho.

Ficha Técnica
Direção e Roteiro: Jorge Furtado
Produção Mônica Schmiedt, Giba Assis Brasil e Nôra Gulart
Fotografia: Roberto Henkin e Sérgio Amon
Edição: Giba Assis Brasil
Direção de Arte: Fiapo Barth
Trilha original: Geraldo Flach Narração Paulo José

Prêmios e Festivais
Urso de Prata no Festival de Berlim 1990
Prêmio Crítica e Público no Festival de Clermont-Ferrand 1991
Melhor Curta no Festival de Gramado 1989
Melhor Edição no Festival de Gramado 1989
Melhor Roteiro no Festival de Gramado 1989
Prêmio da Crítica no Festival de Gramado 1989
Prêmio do Público na Competição “No Budget” no Festival de Hamburgo 1991

 
Assista Aqui:

“Os Sapatos De Aristeu”, Luiz René Guerra, 2008

 

Os Sapatos de Aristeu

Os Sapatos de Aristeu

 

Sinopse

O corpo de uma travesti morta é preparado por outras travestis para o velório. A família, após receber o corpo, decide enterrá-lo como homem. Uma procissão de travestis então se encaminha para o velório para reclamar a identidade construída da falecida.

Elenco:
Berta Zemel
Denise Weinberg
Greta Star
Phedra D, Córdoba
Renato Turnes

Ficha Técnica:
Co-produção: Daniel Tonacc e Renata Cavalcanti
Fotografia: Juliana Vasconcelos
Roteiro: Luiz René Guerra
Edição: Vitor Motter
Direção de Arte: Maíra Mesquita
Montagem: Vinicius Calderoni

Mostras e Prêmios:
Curta Cinema – Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro
Mostra Internacional de Curtas de São Paulo
Festival Mix Brasil 2008

“BMW Vermelho”, Edu Ramos e Reinaldo Pinheiro, 2000

BMW Vermelho

BMW Vermelho

Sinopse
Uma família humilde recebe um verdadeiro presente de grego: um carro de luxo, que não pode ser vendido por dois anos. Para piorar a situação, ninguém na familia sabe dirigir. O tempo passa, e o automóvel acaba tendo mil de uma utilidades, exceto o de altomóvel.

Elenco
Denise Weinberg
Gabriel Priolli
Otávio Augusto

Ficha Técnica
Produção:
Irivan Filho
Fotografia: Fernando Nunes
Roteiro: Reinaldo Pinheiro e Edu Ramos
Edição Edu: Ramos e Frederico Ricci
Som Direto: Alfredo Guerra
Direção de Arte: Silvia Pasta

Prêmios e Festivais
Melhor Direção de Arte no Festival de Gramado 2000
Festival Internacional de Curtas de São Paulo 2000

Para Assistir BMW Vermelho click aqui:
BMW Vermelho

“A Goiabeira” – Edi Lopez

A Goiabeira

A Goiabeira

Sinopse

Sebastiana e Joaquim fazem uma promessa perante uma de goiabeira. Ele está indo para o Rio de Janeiro a procura de trabalho, mas promete voltar e se casar com ela. Joaquim viaja e Sebastiana fica anos esperando por ele debaixo da goiabeira costurando seu vestido. Joaquim volta, mas trazendo uma surpresa.

Ficha Técnica

Direção e Roteiro: Ed Lopez
Ass. de Direção: Cedric
Produção Executiva: Aleques Eitere
Produção: Samuel Strappa
Ass. de Produção: Fernanda Lima e Anna Bastos
Fotografia: Heloisa Hurahy
Câmera: Heloisa Ururahy (Serinha)
Som Direto: Michael Warmann
Música: Marcelo Doca
Montagem: Luiza Marques, Fernando Secco, Raphael Mesquita
Maquiagem: Juka Goulart, Raquel Araújo
Figurino: Ligia e Larissa Rovertal
Continuidade: Natacha Marcato
Cenografia: Gianna Laroca e Detinho
Produtora: FBCU

Prêmios

Melhor Filme no Curta Noite 2006
Melhor Roteiro Original no Festival de Gramado 2006
Melhor Atriz no Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora 2006
Curta convidado para mostra Internacional de Las Palmas en Granária – Espanha. Só foram dois filmes brasieiros selecionados, “A Goiabeira” e o “Cão Sem Dono” do Beto Brant.

“Vida de Grace”, Angela Durans e Silas Matos, 2007

https://i1.wp.com/i264.photobucket.com/albums/ii191/jairsantana/Vida_de_Grace.jpgSinopse:

Jovem executivo, apaixonado pela mãe e pelos filmes de Grace Kelly. Depois de um dia estressante dia de trabalho, sai correndo pelas ruas,libertando as lembranças do passado, em busca de suas próprias fantasias.

Equipe do curta metragem Vida de Grace

DIREÇÃO: Silas Matos e Ângela Durans
ASS. DIREÇÃO: Jair Santana
DIREÇÃO DE ARTE: Jorge Uriel
FIGURINISTA: Fernanda Valente
ROTEIRO: Mariana Vielmond
FOTOGRAFIA E CAMERA: Bruno Diel
ASS. FOTOGRAFIA : Alfonso Coser –
MAQUIAGEM: Fernanda Santoro
MONTAGEM: Litza Godoy
PRODUÇÃO: Helio Lambass
ASS. DE PRODUÇÃO : Dani Vieira
PLATÔ : Silvio de Andrade, Lucas Brandão, Alan Caferro
STILL: Cyro Clemente
AUDIO: Cláudio Ribeiro Cerdeira e André Linhares Pereira de França (Bolinha)


Elenco


Roberto: Gustavo Moriconi Genton
Tenóerio: Roumer Canhães
Ava: Karla Dalvi
Grace: Rebeca Falcone
Adolfo: Victor Freeland
Roberto (10 anos): Renan Braga Nunes
Policial : Luiz Haguiar
Empresáios: Leandro Zanardi / Aldo Perrotta