“O Passado”, Hector Babenco, 2007

passado-poster01

"O Passado"

O pior filme de 2007, e o pior filme do Babenco (confesso, não ví todos, mas se ele tiver feito algo pior que isso…). Como o diretor de “Pixote” e “Carandiru” pode ter feito esse filme, que é uma sequência de constrangimentos.

Até o galã, Gael Garcia Bernal, ele conseguiu deixar feio, e com péssimas atuações. Na verdade, logo se vê que o erro é da direção pretenciosa, de um roteiro metido “cabeça” que está mais pra um roteiro de novela mexicana, dessas que passam no SBT.

A fotografia do Ricardo Della Rosa, é suja, escura, com cara de filme velho e essa, nem é essa a proposta do filme. Pelo menos a mensagem não tem nada haver. E o Ricardo Della Rosa tem fotogtrafias belíssimas, como o de “Casa de Areia” do Andrucha Waddington.

Os personagens principais, Gael García Bernal (Rímini) e Ana Celentano (Carmen), estão feios, confusos e inverossímeis. Falo o “feios” porque nem conseguir fazer com que o público se apaixone pelo casal principal, por serem bonitos, o filme consegue. Nem um personagem é bem apresentado, nem um está bem definido psicologicamente. Todos parecem saídos de um hospício.

O roteiro é da Marta Góes e do Hector Babenco, é pretensioso. Tenta falar de relacionamento. Tenta ser psicológico, visceral, e só consegue ser superficial, confuso e risível dele mesmo. Não por ser engraçado, mas por ser constrangedor, eu diria, ridículo mesmo. As conversas são as mais absurdas possíveis. As vezes, você parece estar assistindo “American Pie” do Paul Weitz, e o filme, quer ter cara de “Interiores” do Wood Allen.

 

 

A música passa mais que despercebida. Melhor assim, fico até com medo com que eu iria me deparar, naquele conjunto de equivócos. Até as cenas de sexo são contragedoras. Babenco filma uma cena sexo,  com uma única sequencia, e as trepadas de Rímini não duram mais que 10 segundos. Isso porque é feito em “plano sequência. O coitado sofre de ejaculação precoce tadinho. Se não sabe fazer cenas de sexo, pule do primeiro beijo para o dia seguinte, pelo menos as coisas ficam subtendidas. Agora, fazer uma cena de amor completa, onde TUDO durou não mais que 10 segundos é constrangedor.

Parece piada, mas foi considerado pelo jornal “O Globo”, um dos 10 melhores filmes do ano. Não sei se começo a acreditar que “O Globo” tem realmente materia paga, se o Babenco é um dos sócios do jornal, se ele foi a pessoa que fez a lista, ou ….sei lá, não consigo achar nem um motivo sério para o filme pertencer a essa lista.

Não perca seu tempo, não gaste seu dinheiro indo assistir no cinema ou alugando um dvd. É impressionante, o que uma direção equivocada consegue fazer com uma boa equipe. Como uma direção presunçosa pode acabar com uma proposta, por melhor que ela seja. O trailer do filme era fantástico. Achei que eu ia entrar no cinema e assitir um filme sério, sensivel, e oque assisti foi o mico do ano.

Ah, só pra constar. Dei uma pesquisada, e não achei nem um prêmio sequer que o filme tenha conquistado. Se alguem souber de um, por favor me informe. Talvez ganhe o “Framboesa” de Pior Filme. Vamos torcer.

Jair Santana

Anúncios

2 Respostas

  1. o filme nao é de todo confuso, é bem iluminado, apenas se precisa ter conhecimentos e abertura suficiente para. é sem duvida um dos melhores filmes de sempre e a beleza nao me interessa, apenas o que está subjacente. sendo uma pessoa qe comenta e dá o seu parecer a muita gente, tenta ser mais culto, tá?

  2. Valeu a participação Catia Você pode se considerar bem culta, mas ainda não aprendeu a escrever português corretamente. Continue tentando abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: